II COMAR INAUGURA CAPELA EVANGÉLICA

UMA HISTÓRIA DE BÊNÇÃOS SEM MEDIDA…

A Capelania Evangélica da Aeronáutica na Guarnição de Aeronáutica de Recife tem o seu nascedouro com a chegada do capelão evangélico em 18 de dezembro de 2010. No entanto, até aquele momento as atividades de auxílio espiritual aos militares evangélicos eram realizadas por militares voluntariosos que se reuniam para cultuar a Deus nas diversas unidades da Guarnição.

O trabalho tem início com um censo religioso, visando obter informações sobre o quantitativo de militares evangélicos que seriam atendidos pela capelania evangélica. À época, o percentual de evangélicos no efetivo representava um terço dos militares da Guarnição.

Com o objetivo de melhor atender a este público-alvo foram realizadas algumas pesquisas informais com os militares, para obter a opinião sobre o que eles esperavam do trabalho da capelania evangélica. As respostas evidenciaram a necessidade de ações que atendessem não só o militar, mas a sua família. Para tanto, foi aventada a possibilidade da definição de um espaço para realização das referidas ações.

Em meados de 2011 foram apresentadas a Comandante do COMAR, Maj Brig Pinto Machado, estas necessidades, que prontamente autorizou um levantamento das áreas possíveis para realização da construção. Algumas áreas foram sugeridas ao Comando, sendo selecionada a parte final do TOMPO PE-009-002.

No Comando do Maj Brig Bastos uma área foi destinada para a utilização da Capelania Evangélica, depois de consulta ao antigo Serviço de Engenharia e também à Prefeitura de Aeronáutica. Entretanto, faltavam recursos para começar a obra. A escassez de recursos orçamentários motivou a comunidade evangélica a empreender ações beneficentes que pudessem viabilizar a realização do projeto de construção da Capela evangélica da Guarnição de Recife.

Com a chegada do Maj Brig Volkmer o incentivo para prosseguir em frente foi fortalecido. Muitos foram os desafios durante o percurso, mas grande foi o apoio de irmãos evangélicos e não-evangélicos. Todos ajudaram a construir esta história de bênçãos! Desde os responsáveis pelo acurado projeto arquitetônico até os que compraram um simples “ticket” da chamada “feijoada do pastor”… A multidão de colaboradores é infindável, de perto e de longe, de Brasília, de Belém e doRio de Janeiro); a todos se expressa um sentimento incomensurável de gratidão.

Fechando o ciclo de atividades do COMAR, o Maj Brig Aguiar proporcionou plenas condições para a finalização desta obra. Com o descerramento da placa de inauguração, como se diz: “fecha-se com chave de ouro”; porém, abrem-se portas de possibilidade, diante do desafio de construção da Capela. Findando este momento, vemos o modelo bíblico de construção de templos sendo cumprido: o povo e as autoridades como instrumentos de Deus para seu louvor. Pois Ele é o Senhor dos Senhores, Rei dos Reis, a Ele pois a Glória Eternamente. Amém. Orare e Labutare!

Glédston C. Reis
ASCOM, 16 Març 2028

Com informações de: 1º Ten Capelão Pastor Evg Edmilton C. Pontes, Chefe Subseção da Capelania Evangélica do II COMAR, Recife-PE. (pastoredimilton@gmail.com)